Hamamélis: benefícios e propriedades medicinais

A hamamélis (Hamamelis virginiana) é uma planta medicinal também conhecida como hamamélide, hamamélia, castanha-de-bruxa, amieiro-castanho, winterbloom e witchhazel (inglês). Pertence à família Hamamelidaceae.

Benefícios da hamamélis

Embora possua belas flores e frutos, as cascas e folhas da hamamélis são mais comumente utilizadas na medicina alternativa. Existem mais de 30 usos diferentes para a hamamélis, sendo o tratamento contra hemorroidas um dos mais comuns. Contudo, a erva também é utilizada no tratamento de doenças como câncer e tuberculose. A Hamamelis virginiana é composta de catequinas, colina, flavonoides (canferol, quercetina), óleo essencial nas folhas (carvacol, eugenol, hexaenol), proantocianidinas, saponinas e taninos (ácido gálico).

Compressas, cremes e pomadas de hamamélis são usadas externamente, aplicadas sobre feridas cutâneas e contusões, hemorroidas, eczema, picadas de inseto, sumagre-venenoso, queimaduras de sol, aftas e assaduras. É também usada como uma loção pós-barba e aplicada em acnes. Gargarejo para dor de garganta e amigdalite. Pomada para cistos e tumores. Ducha para vaginite. Algumas pessoas fazem cubos de gelo adicionando a planta em sua forma destilada para depois aplicarem diretamente à contusões e inchaços.

Tratamento de hemorroidas

A indicação mais frequente de uso interno da hamamélis é para conter problemas como hemorroidas, varizes, vasos, pernas pesadas e diarreias. Nesse caso é preparado um chá para ingestão, que contribui para diminuir de maneira considerável esses sintomas. É possível realizar um banho de assento para conter problemas como feridas e hemorroidas ou demais incômodos na região anal e íntima, sendo tal aplicação sustentado por evidências cientificas.

Como preparar o chá de hamamélis

O chá é o formato que possui mais funcionalidades, já que serve tanto para ser ingerido quanto para o banho. Para o preparo você vai precisar de 5 g de folhas picadas em 1 xícara de água fervente. Deixe a infusão por 10 minutos, e tome 3 vezes ao dia.

Para banhos e acentos você deve usar uma proporção maior, seguindo essa ideia de medida. Os banhos podem ser feitos 2 vezes ao dia. O chá também pode ser aplicado como gargarejo, resolvendo problemas de inflamação na garganta.

Combate à acne com hamamélis é indicado por dermatologistas

Muitas farmácias de manipulação fazem produtos à base de Hamamélis para conter a proliferação de acnes, vez que a planta possui um incrível poder adstringente que é indicado para limpeza facial, e ajuda a diminuir a oleosidade e desobstruir os poros.

Alguns dermatologistas podem indicar esse componente para tratamento, e adotar o hábito de lavar o rosto com a infusão também pode resultar em uma significativa melhora nesse aspecto, e o seu poder anti-inflamatório contribui para a cicatrização. Muitos atletas também usam a folha para evitar contusões, esfregando em regiões como joelhos e tornozelos.

A hamamélis pode ser usada de diversas formas, com diferentes finalidades. Seja na medicina alternativa ou como indicação para medicamente fabricados em laboratório, esse ingrediente consegue ajudar a conter sintomas variados, e pode ser aproveitado também em diferentes formas, como colírio, banho, pomada, creme ou chá.

Contraindicações e efeitos colaterais da hamamélis

O uso excessivo dos componentes presentes na planta pode aumentar a pressão arterial, por isso o seu uso não é indicado para pessoas que já apresentem um descontrole nesse sentido.

História e curiosidades

A Hamamelis virginiana também é conhecida como vassoura-de-bruxa (witchhazel) por conta do formato de suas folhas. A colheita ocorre no verão, tanto nos Estados Unidos quanto no Canadá. Suas sementes brancas são comestíveis.

Referências:
MacKay, Douglas. “Hemorrhoids and varicose veins: a review of treatment options.” Alternative medicine review 6.2 (2001): 126-126.
Neto, Edilson Martins Rodrigues, et al. “Abordagem terapêutica da acne na clínica farmacêutica.” Boletim Informativo Geum 6.3 (2016): 59.
Wolff, Helmut H., and Meinhard Kieser. “Hamamelis in children with skin disorders and skin injuries: results of an observational study.” European journal of pediatrics 166.9 (2007): 943-948.

Comentários

1 Comentário

  1. roney alberto delgado

    solicito informaçao da quantidadede de capsulas de hamamelis 200mg devo tomar por dia.
    grato
    Roney

Comentar