Armoracia rusticana (RAIZ-FORTE)

ARMORACIA RUSTICANA

Nomes populares

Raiz-forte, mostarda-alemã, rabanete-montês, rabanete-bastardo, rabanete-picante, rabanete-rústico, rabanete-silvestre, rábano-de-cavalo, rabão-silvestre, rabão-rústico, rabiça-brava, rabo-de-cavalo, saramago-maior, horseradish (inglês).

Sinônimos botânicos

Armoracia lapathifolia, Cochlearia armoracia, Nasturtium armoracia, Radicula armoracia, Rorippa armoracia.

Família

Brassicaceae

Partes usadas

Folhas e raízes.

Usos tradicionais

Asma, bronquite, catarro, colite, congestão, congestão de seio, congestão linfática, edema, entorpecimento muscular, febres, febre do feno, gota, gripe, indigestão, infecções urinárias, reumatismo, sardas, tosses, tosse seca, vermes.

Propriedades medicinais da Armoracia rusticana

Antibacteriano (impede ou inibe o desenvolvimento de bactérias)
Anticancerígeno (previne ou combate ao câncer)
Antiescorbútico (age contra o escorbuto)
Antisséptico (impede a contaminação e combate a infecção; inibe a proliferação de microrganismos presentes na superfície da pele e mucosa)
Carminativo (atua na redução dos gases intestinais)
Colagogo (contrai a vesícula biliar e estimula a evacuação da bílis para o intestino, facilitando a digestão de alimentos gordurosos)
Descongestionante (alivia a congestão e desobstrui as vias aéreas)
Diaforético (induz a transpiração profunda; sudorífero)
Diurético (atua no rim, aumentando o volume e o grau do fluxo urinário)
Emético (provoca vômito)
Expectorante (facilita a saída de secreções por via respiratória)
Laxativo (trata a constipação intestinal e a prisão de ventre)
Pungente desperta sensação física aguda, penetrante; provoca no paladar sensação forte, picante, azeda, amarga ou afim.)
Rubefaciente (provoca aumento da quantidade de sangue circulante num determinado local quando aplicado)
Tônico Estomacal (favorece a digestão e pode até estimular o apetite em alguns casos)
Vermífugo (provoca a expulsão dos vermes que parasitam o intestino)

Contraindicações e efeitos colaterais

A raiz-forte é facilmente segura quando tomada por via oral em quantidades de alimentos, e também segura para a maioria das pessoas quando tomado por via oral em quantidades medicinais. Contudo, ela contém óleo de mostarda, que é extremamente irritante para o revestimento da boca, garganta, nariz, sistema digestivo e trato urinário.

Fitoquímicos

A raiz-forte é constituída quimicamente de óleo essencial (óleo de mostarda, chamado de sinigrina), enzimas, glicosídeos, vitaminas B e C, enxofre e asparagina.

Curiosidades

– A raiz-forte é nativa do sul da Europa e oeste da Ásia, onde foi referenciada ao longo da história.

– Quando sua raiz branca e grossa é cortada, a degradação dessas células das plantas liberta enzimas que quebram a sinigrina encontrada na raiz. Isso libera óleo de mostarda, que é um químico pungente e irritante que afeta os olhos daqueles que o cheiram.

Saiba mais

Raiz-forte: benefícios e propriedades medicinais

Referências:
Park, II‐Kwon, et al. “Fumigant activity of plant essential oils and components from horseradish Armoracia rusticana), anise (Pimpinella anisum) and garlic (Allium sativum) oils against Lycoriella ingenua (Diptera: Sciaridae).” Pest management science 62.8 (2006): 723-728.
The German Commission E. Herbs. ZP.

Comentários

Comentar