Pau-ferro: saiba para que serve a árvore

Pau-ferro - Caesalpinia ferrea

Conheça os benefícios, efeitos e propriedades medicinais do pau-ferro - Caesalpinia ferrea , árvore medicinal também conhecida como jucá e brazilian ironwood.

Atualizado em 19/09/2022

O pau-ferro (Caesalpinia ferrea) é uma planta medicinal também conhecida como jacá, ibirá-obi, imirá-itá, jucá, pau-ferro-do-Ceará, jucaína, icainha, muiarobi, muiré-itá e brazilian ironwood (inglês). Inclui os sinônimos botânicos Apuleia ferrea e Caesalpinia leiostachya. A Caesalpinia ferrea é nativa da Mata Atlântica, presente do Sudeste ao Nordeste do Brasil, nas florestas pluviais de encosta Atlântica. A árvore de pau-ferro possui este nome em razão da madeira muito dura e resistente que produz.

Benefícios do pau-ferro

As cascas, folhas, frutos e sementes do pau-ferro são utilizadas na medicina popular para tratar distúrbios que afetam diversos sistemas, incluindo os sistemas cardiovascular, circulatório, conjuntivo, digestivo, geniturinário, imunológico, musculoesquelético e respiratório. As classes químicas mais comumente encontradas em estudos fitoquímicos são esteroides, flavonoides, polifenóis, saponinas, taninos, terpenoides e outros compostos fenólicos. As propriedades biológicas dos extratos e compostos isolados do pau-ferro mais conhecidas são suas propriedades antibacteriana, antifúngica, antioxidante, antiproliferativa, anti-inflamatória e cicatrizante.

O pau-ferro é uma árvore muito utilizada no paisagismo e conhecido pelo seu tronco branco e liso. Na medicina popular, as partes da planta com propriedades curativas são suas cascas do tronco e suas folhas, que possuem significativa quantidade de flavonoides e taninos, possivelmente os componentes que conferem ao pau-ferro suas propriedades terapêuticas, contudo, as propriedades dessas substâncias ainda não foram totalmente elucidadas. As folhas em infusão podem tratar inflamações hepáticas e gástricas.

Extrato das folhas de pau-ferro

O extrato das folhas do pau-ferro é indicado para úlceras gástricas, sendo tão ou mais ativo que os medicamentos tradicionais para o tratamento da doença, provavelmente por seu efeito antimicrobiano eficaz contra a bactéria causadora Helicobacter pylori. Já a casca pode ser utilizada para a preparação de xaropes contra asma e bronquite. A Apuleia ferrea (Caesalpinia ferrea) faz parte da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (RENISUS), constituída de espécies vegetais com potencial de avançar nas etapas da cadeia produtiva e de gerar produtos de interesse do Ministério da Saúde do Brasil.

FIGAPRO

Figapro é o suplemento alimentar mais utilizado no Brasil para auxiliar a eliminar gordura do fígado e melhorar o funcionamento do sistema digestivo.

Contraindicações e efeitos colaterais do pau-ferro

Não foram relatados efeitos colaterais decorrentes do uso nas bibliografias consultadas.

História e curiosidades

Uma das características marcantes da árvore pau-ferro é a casca fina do tronco da árvore que constantemente se esfolia, revelando a madeira nova por baixo, predominantemente de cor branca, misturada com tons de verde e marrom. Devido a esta característica, o pau-ferro é também chamado de árvore leopardo, sendo constantemente confundida com espécies de eucalipto.

O gênero Caesalpinia possui mais de 70 espécies, distribuídas nas areais tropicais e subtropicais. As folhas são alternadas, com folíolos de 4 a 8 pares e flores em racemos ou panículas. Um espécime de pau-ferro adulto pode atingir até 30 metros de altura. a Caesalpinia faz parte da família Fabaceae-Caesalpinioideae.

Referências:
Macêdo, Nair Silva, et al. “Caesalpinia ferrea C. Mart.(Fabaceae) phytochemistry, ethnobotany, and bioactivities: a review.” Molecules 25.17 (2020): 3831.
de Paulo Pereira, Lívia, et al. “Polysaccharide fractions of Caesalpinia ferrea pods: potential anti-inflammatory usage.” Journal of ethnopharmacology 139.2 (2012): 642-648.
SAMPAIO, Fábio C. et al. In vitro antimicrobial activity of Caesalpinia ferrea Martius fruits against oral pathogens. Journal of ethnopharmacology, v. 124, n. 2, p. 289-294, 2009.
Carvalho, JoséC T., et al. “Preliminary studies of analgesic and anti-inflammatory properties of Caesalpinia ferrea crude extract.” Journal of ethnopharmacology 53.3 (1996): 175-178.