Alcoolismo: causas, sintomas, tratamento natural e cura

O alcoolismo é uma doença caracteriza pela condição onde o consumo de bebidas alcoólicas se encontra em um nível que interfere com a saúde física ou mental do paciente, afetando negativamente seus relacionamentos e status social.

Causas do alcoolismo

O alcoolismo é considerado como uma doença clinicamente tratável pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Fatores de risco como o ambiente social, estresse, saúde mental, predisposição genética, etnia, sexo e idade podem levar ao abuso de álcool, que a longo prazo pode causar dependência física e provocar alterações fisiológicas no cérebro, que se torna incapaz de controlar a compulsividade e sofre com a síndrome de abstinência alcoólica assim que há uma interrupção do consumo de álcool.

Alcoolismo na adolescência

O alcoolismo na adolescência é um fator preocupante. Segundo pesquisadores, adolescentes que começam a beber álcool antes dos 15 anos são quatro vezes mais predispostos a desenvolver o alcoolismo do que aqueles que iniciam o consumo após os 21 anos de idade. Nos Estados Unidos, estima-se que cerca de 3 milhões de adolescentes sofram de alcoolismo. Na maioria dos casos, adolescentes começam a consumir bebidas alcoólicas para celebrar momentos ou em condições de excitação ou pressão. Outras causas podem incluir falta de apoio parental, problemas disciplinares ou sentimento de rejeição, ansiedade, depressão e influência do comportamento dos pais.

Sintomas do alcoolismo

No estágio inicial do alcoolismo, a pessoa começa a ficar dependente do álcool para interferir em seu humor. O consumo também acontece com uma certa frequência para aliviar-se de problemas cotidianos. Nesta fase ocorre um aumento gradual da tolerância, sendo o álcool cada vez mais o responsável por alterações no humor.

Com o passar do tempo, o organismo começa a perder sua capacidade de lidar com níveis elevados de álcool. Logo após essa fase, o desejo de beber torna-se gradualmente mais intenso. Beber grandes quantidades com maior frequência se torna mais comum e a tolerância ao álcool diminui na medida em que a intoxicação chega com maior facilidade. Nesta fase, os sintomas da abstinência começam a se manifestar quando a quantidade de bebida é reduzida. Na pior fase, o paciente já se tornou obcecado pela bebida alcoólica, se tornando um grande problema para os familiares e amigos.

A saúde física e mental do alcoólatra se deteriora e vários órgãos do corpo são afetados. O processo de digestão é afetado e há uma redução do número de nutrientes absorvidos pelo corpo, vez que a função hepática foi prejudicada. As células recebem menos nutrientes que o necessário e o corpo tende a apresentar uma série de deficiências de vitaminas e minerais no corpo. O alcoolismo prolongado pode ocasionar a cirrose, um dos efeitos mais graves do alcoolismo, com o aparecimento de uma cicatriz quase irreversível no fígado.

Tratamento natural para o alcoolismo

Alguns hábitos simples que podem ser facilmente incorporados no dia a dia podem ajudar a melhorar a condição do paciente, dependendo do nível de alcoolismo. O consumo diário de frutas pode ajudar a reduzir os efeitos negativos do alcoolismo. Sucos de frutas cítricas são bons para aliviar os efeitos da ressaca. Maçãs e bananas podem ajudar a eliminar toxinas do sangue. O consumo regular da fruta ou suco de uva pode, em algumas pessoas, diminuir a vontade de beber álcool.

A prática de esportes também pode ajudar a melhorar as condições emocionais dos pacientes e diminuir a vontade de consumir álcool. Apoio de amigos e familiares, bem como a participação em reuniões de Alcoólicos Anônimos (AA) e em casos extremos a internação em clínicas para dependentes do álcool, também integram um passo importante para a cura do vício do alcoolismo.

Noethyl Anti-Alcool

Noethyl é um suplemento mineral que combate diretamente a dependência do álcool pelo organismo, tornando o tratamento contra o alcoolismo extremamente eficaz, vez que aumenta consideravelmente as chances de cura plena. É usado com sucesso há mais de 10 anos em todo o Brasil por cerca de 70% das clinicas especializadas no tratamento de dependentes, que fazem o uso desse suplemento mineral como principal ferramenta para inibir a vontade de ingestão de álcool. Não possui contraindicações.

Acupuntura

Acupuntura
Acupuntura

A acupuntura é frequentemente recomendada para ajudar a reduzir os desejos de álcool, aliviar sintomas de abstinência, além de reduzir a ansiedade e depressão, condições frequentemente experimentadas por alcoólatras. Um estudo realizado em 2002 com 34 alcoólatras apontou que em duas semanas de tratamentos para acupuntura (combinado com a carbamazepina, um fármaco utilizado na gestão de abstinência alcoólica) ajudou a diminuir os sintomas de abstinência dos participantes. No entanto, uma revisão sistemática publicada em 2009 concluiu que não há provas suficientes para apoiar a eficácia da acupuntura no tratamento do alcoolismo.

Ervas hepatoprotetoras

Algumas ervas medicinais são utilizadas popularmente na medicina alternativa para o tratamento do alcoolismo, vez que fármacos tradicionais podem causar fortes efeitos colaterais sobre o fígado dos pacientes alcoólatras, já sobrecarregado pelo problema do consumo excessivo de bebidas alcoólicas.

Kudzu

Kudzu - Pueraria lobata
Kudzu – Pueraria lobata

Várias pesquisas sugerem que o kudzu (Pueraria lobata), erva nativa do Japão e China e muito pouco conhecida no Brasil, pode ajudar a diminuir o desejo por bebidas alcoólicas e funciona como um tônico para o fígado, aumentando sua capacidade de combater as toxinas. Na Ásia, o kudzu é usado tradicionalmente como um remédio para o alcoolismo

Cardo-mariano

Cardo-mariano - Silybum marianum
Cardo-mariano – Silybum marianum

O cardo-mariano (Silybum marianum), também conhecido como cardo-leiteiro, é uma erva muito conhecida para proteger o fígado. A silimarina presente nas sementes fortalece o fígado e ajuda o mesmo a eliminar toxinas. Embora a investigação preliminar indique que o cardo-de-leite possa oferecer algum benefício para aqueles que procuram tratar doenças hepáticas associadas ao álcool, mais estudos são necessários para tirar conclusões definitivas sobre a eficácia da erva em melhorar a saúde do fígado.

Referências:
OMS. Organização Mundial da Saúde
Alcoólicos Anônimos.
Karst, Matthias, et al. “Acupuncture in the treatment of alcohol withdrawal symptoms: a randomized, placebo‐controlled inpatient study.” Addiction biology 7.4 (2002): 415-419.

Comentários

Comentar

QUER MAIS ?

Você pode se interessar por algumas de nossas publicações mais populares. Para isso, é só clicar em algum dos links abaixo para acessar gratuitamente:

(CLIQUE NO TÍTULO PARA ACESSAR)

Você também pode aproveitar e usar o nosso cupom MEDICINA10 para ganhar 10% de desconto em mais de 300 produtos naturais selecionados!  

Medicina Natural
Folhas