Chá de Mulungu – Erythrina velutina

Chá de Mulungu - Erythrina velutina - Medicina Natural

O consumo do chá de mulungu (Erythrina mulungu) é comum, vez que age como um sedativo usado por pessoas com ansiedade, insônia e problemas do sistema nervoso.

Atualizado em 29/06/2023

O consumo do chá de mulungu é muito popular no Brasil, vez que a espécie Erythrina mulungu é uma planta comum em todo o território nacional, sendo nativa da caatinga do nordeste brasileiro. O nome de gênero Erythrina significa “vermelho” enquanto o nome popular mulungu é oriundo do tupi, murugu (Ferreira,2009). Na medicina natural, o chá de mulungu é indicado como um excelente sedativo para acalmar pessoas com ansiedade, insônia e problemas do sistema nervoso. O mulungu pertence à família das Leguminosas, sendo muito ornamental quando em floração com as cores vermelho coral.

Os estudos do gênero Erythrina iniciaram no final século XIX, estimulados após a verificação em que extratos de sementes de várias espécies deste gênero continham alcaloides com atividade fisiológica. O uso do Mulungu como sedativo e calmante é registrado nas 1ª, 2ª, e 4ª Farmacopeias Brasileiras. A Erythrina mulungu faz parte da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (RENISUS), constituída de espécies vegetais com potencial de avançar nas etapas da cadeia produtiva e de gerar produtos de interesse do Ministério da Saúde do Brasil.

Outros nomes populares do mulungu

Canivete, corticeira, sananduva, sauinã, suína (Brasil); bocare (Antilhas); bucare, pericoa, pericoco (Venezuela).

Usos tradicionais do chá de mulungu

  • Agitação e histeria.
  • Ansiedade.
  • Asma.
  • Ataques de pânico.
  • Bronquites.
  • Depressão.
  • Dor muscular.
  • Enxaqueca.
  • Epilepsia.
  • Estresse pós-traumático.
  • Febre.
  • Hepatite.
  • Hipertensão.
  • Insônia.
  • Problemas hepáticos.
  • Tosses nervosas.

Benefícios do chá de mulungu para abstinência e ansiedade

Estudos estão sendo conduzidos para verificar sobre os possíveis benefícios do chá de mulungu para o coração, sobretudo para controle da hipertensão arterial e palpitações. Os alcaloides presentes nas espécies do gênero Erythrina estão sendo estudados como possíveis regulamentadores de hipotensores. Acredita-se que baixas doses auxiliam no processo de memória, enquanto doses mais altas atuam como bloqueadores neuromusculares e possuem ação sedativa como principais efeitos.

Várias pesquisas científicas à respeito do uso medicinal do mulungu foram validadas em estudos recentes publicados no Journal of Ethnopharmacology, Journal of Natural Products e no Brazilian Journal of Medical and Biological Research. Estudos em animais com o extrato de mulungu mostraram que a planta mostrou um efeito similar ao Diazepam, medicamento comumente prescrito para combater a ansiedade. Neste estudo foi sugerido que os fitoquímicos encontrados na erva podem alterar certos tipos de neurotransmissores semelhantes ao GABA, o ácido gama-amino butírico. O GABA é amplamente utilizado como um suplemento calmante. Outras pesquisas também validou a utilização tradicional da Erythrina mulungu como um agente antimicrobiano para infecções de garganta e urinárias.

Proteção hepática

O Mulungu possui ação hepatoprotetora, ou seja, é capaz de fornecer proteção ao fígado. A planta possui poder antioxidante que consegue equilibrar, tonificar e fortalecer o fígado, sendo eficaz nos casos de afecções hepáticas.

Redução da vontade de fumar

O mulungu apresenta grandes quantidades de flavonoides, alcaloides e triterpenos. A erisodina, um dos alcaloides presentes na casca da planta, bloqueia os receptores de nicotina, e consequentemente, o chá da planta passou a ser utilizado como um tratamento natural na luta contra o tabagismo.

Partes utilizadas

Cascas.

Chá de Mulungu - Erythrina velutina

Chá de Mulungu – Erythrina velutina

Modo de preparo do chá de mulungu

Coloque 250 ml de água para ferver. Acrescente duas colheres da casca de mulungu e deixe essa mistura abafada, em infusão, por cerca de 8 a 10 minutos, aproximadamente. Após isso, tampe o recipiente e deixe em repouso por 10 minutos. Ao término, basta coar e consumir.

Sugestão de consumo

Recomenda-se ingerir 200ml de chá de pata de vaca de 2 a 3 vezes ao dia, após as refeições.

PRODUTO ISENTO DE REGISTRO CONFORME RDC 240/2018.

Padrão de qualidade premium Medicina Natural

Chás - Controle de Qualidade Medicina Natural e Natublend

Chás – Controle de Qualidade Medicina Natural e Natublend

Os chás Medicina Natural™, antes de serem embalados, são cuidadosamente inspecionados e selecionados, para que o consumidor tenha uma experiência agradável e segura. O rígido controle de qualidade em toda cadeia produtiva são os diferenciais dos nossos chás. Contamos com fornecedores altamente qualificados que obedecem a padrões rigorosos, desde o plantio até a colheita e transporte dos chás, para que não ocorram perdas de propriedades e qualidade durante o processo produtivo. Os chás passam por um rigoroso protocolo de conferência interna, sendo avaliados nesta etapa, inúmeros fatores essenciais para a qualidade dos chás, incluindo a qualidade dos chás, que passam por análises em nossos laboratórios. Também são observados seus parâmetros microbiológicos, conforme descrito na Farmacopeia Brasileira, procedimento que garante a estabilidade e qualidade durante todo seu período de validade.

  • CHÁ DE ALTO PADRÃO DE QUALIDADE COM CERTIFICADO DE ANÁLISE.
  • CASCAS LIOFILIZADAS E SELECIONADAS PARA EVITAR QUALQUER TIPO DE AGENTE EXTERNO.
  • PRODUTO LACRADO PARA PRESERVAR TODAS AS CARACTERÍSTICAS DA PLANTA.
  • PRONTO PARA O PREPARO DO CHÁ.
  • QUALIDADE GARANTIDA.

Contraindicações e efeitos colaterais do mulungu

O mulungu é contraindicado para crianças com menos de 5 anos, grávidas e mulheres que estão amamentando. Não devem ser usadas preparações de Erythrina spp. por pessoas com insuficiência cardíaca ou com arritmias no coração. O uso do mulungu pode potencializar o efeito de ansiolíticos e medicamentos anti-hipertensivos quando associados.

Cuidados e precauções

Conserve ao abrigo da luz, calor e umidade. Cada pacote é embalado e pesado de forma individual. Pode ocorrer diferenças na tonalidade em determinados lotes por se tratar de ervas desidratadas, o que não impede a sua utilização.

Comprar Chá de Mulungu Medicina Natural

Clique aqui para comprar Chá de Mulungu Medicina Natural.

Chá de Mulungu - Erythrina velutina - Medicina Natural

Chá de Mulungu – Erythrina velutina – Medicina Natural

Referências:
Erythrina sp. Fabaceae (Leguminosae, Faboideae). Erythrina velutina Willd., E. verna Vell., E. mulungu Mart. ex Benth., E. falcata Benth. e E. speciosa Andrews. Benjamin Gilbert; Rita Favoreto. Revista Fitos. Fiocruz.
O Mulungu e seus benefícios medicinais e terapêuticos. JE Online.
Mulungu. Medicina Natural.