Sálvia: saiba para que serve o chá

Conheça os benefícios, efeitos colaterais e propriedades da sálvia - Salvia officinalis, planta medicinal também conhecida como salva e salva-dos-jardins.

Atualizado em 28/10/2023

A sálvia (Salvia officinalis) é uma planta medicinal também conhecida como salva, salveta sálvia-vermelha, salva-das-boticas, sálvia-dos-jardins, salva-ordinária, salva-menor e sage (inglês). A sálvia faz parte da família Lamiaceae.

Benefícios da sálvia

A sálvia tende a ter um efeito secante e já foi usada para controlar a produção de saliva excessiva, comum em doenças como o Mal de Parkinson. Melhora a digestão de comidas gordurosas e atua como um preservativo natural. As folhas são acrescentadas a saladas simples, pães, recheios, sopas, guisados, queijos, peixe e carnes e com a planta é possível fazer vinagre, manteiga e vinho. As folhas e flores podem ser adoçadas. O fumo das folhas era usado tradicionalmente para aliviar os sintomas da asma.

Na medicina alternativa, o cataplasma de folhas frescas é usado para picadas de inseto e feridas. O cheiro exalado pelas folhas promove a agilidade mental. O gargarejo é indicado para feridas na boca, laringite, dor de garganta e amigdalite. A lavagem para eczema, psoríase e sumagre venenoso. Em forma de enxaguante para combater caspa, cabelos oleosos e escurecer cabelos grisalhos. Ducha para leucorreia. Também é usada em mulheres que têm menstruações excessivas. A sálvia é ingrediente de várias pastas de dente e possui vapor facial refrescante. As folhas frescas esfregadas nos dentes atuam como um agente embranquecedor. A salva seca quando queimada é usada para purificação de energia negativa.

Benefícios da sálvia para pacientes com diabetes

Um estudo realizado em 2006 pela Universidade do Minho, em Braga (Portugal), verificou os efeitos antidiabéticos de uma infusão de chá de sálvia em ratos. Os resultados mostraram que o chá causa efeitos sobre os níveis de glucose em animais normais parecidos com o Metformina (um medicamento utilizado para tratar o diabetes tipo 2), produzindo efeitos sobre as células de fígado dos animais, sugerindo que a erva pode ser útil como um suplemento alimentar indicado para prevenir o diabetes mellitus tipo 2 através da redução da glucose no sangue em indivíduos em risco.

Contraindicações e efeitos colaterais da sálvia

Doses grandes devem ser evitadas durante a gravidez, amamentação (a planta tende a secar o leite do peito), por pessoas com epilepsia ou por períodos estendidos.

História e curiosidades

O nome popular da salva é derivado do latim salvere, que significa “estar com a saúde boa”. O provérbio antigo: “Cur moriatur homo cui salvia cresit in horto?” significa “Por que deveria morrer um homem que tem sálvia em seu jardim?”. Durante a Idade Média, cultivar a planta nos jardins medievais significava prosperidade.

Referências:
Lima, Cristovao F., et al. “Metformin-like effect of Salvi.a officinalis (common sage): is it useful in diabetes prevention?.” British journal of nutrition 96.02 (2006): 326-333.
Walch, Stephan G., et al. “Antioxidant capacity and polyphenolic composition as quality indicators for aqueous infusions of Salvi.a officinalis L.(sage tea).” Frontiers in pharmacology 2 (2011): 79.