Assa-peixe: saiba para que serve a planta

Assa-peixe - Vernonia polyanthes

Conheça os benefícios, efeitos colaterais, indicações e propriedades medicinais do assa-peixe - Vernonia polyanthes (V. ruficoma), também chamada de assapeixe.

Atualizado em 21/09/2022

O assa-peixe é uma planta medicinal também conhecida como assa-peixe-branco, assapeixe, chamarrita, cambará-branco e cambará-guaçú. Inclui as espécies Vernonia ruficoma e Vernonia polyanthes. O gênero Vernonia é um dos maiores e mais importantes da família Asteraceae, sendo representada por cerca de 1.500 espécies.

Benefícios do assa-peixe

No Brasil, a planta muito utilizada na medicina alternativa. Dentre os diferentes estudos sobre a Vernonia polyanthes, as investigações sobre os efeitos antinociceptivos (redução da capacidade do corpo de perceber a dor, ou seja, um analgésico natural) e anti-inflamatórios do assa-peixe são particularmente importantes. Um estudo realizado indicou que o assa-peixe produz efeito sobre a pressão arterial. Os resultados sugeriram que a diminuição da pressão sanguínea induzido pelo extrato hidroalcoólico via oral provoca redução da taxa de excreção de sódio renal pós proximal. Assim, foi demonstrado que o extrato de assa-peixe age como um age vasodilatador. A Vernonia spp é rica em sais minerais.

Um estudo demonstrou que o extrato da V. polyanthes causava efeitos em condições de infecção urinária e taxa de fluxo urinária, enquanto melhoravam os sintomas gastrointestinais e respiratórios¹. Em um estudo de 2007, foi observado uma ação inibidora potente do extrato do sobre linhagens de Leishmania². O extrato de própolis do assa-peixe apresentou ação antimicrobiana contra o Paenibacillus larvae (um microrganismo responsável por uma doença em abelhas conhecida por “cria pútrida”, que inviabiliza as crias das colmeias). Em um estudo de Bastos et al. (2008) e Oliveira et al. (2007), foi relatado que os os extratos hidroalcóolicos da Vernonia polyanthes apresentaram significativa ação anti-micobactérias³.

Composição

Os ácidos fixos, alcaloides, aminoácidos, antraquinonas, cumarinas, esteroides, flavonoides, saponinas, taninos e triterpenos foram detectados em infusões do assa-peixe e podem ser responsáveis pelos seus efeitos farmacológicos.

Contraindicações e efeitos colaterais do assa-peixe

Não foram relatados efeitos colaterais decorrentes do uso nas bibliografias consultadas.

História e curiosidades

O assa-peixe é uma planta medicinal perene, que se espalha por meio de sementes. É uma erva nativa do Brasil, encontrada principalmente na Amazônia, Mata Atlântica e Cerrado. É conhecida por ser uma erva daninha que cresce aos arredores de estradas, terrenos baldios e esgotos. Também chega a anular a lotação das pastagens (Lorenzi, 2000). A Vernonia ruficoma – Vernonia polyanthes faz parte da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (RENISUS).

Referências:
¹ (Costa-Neto e Oliveira, 2000)
² (Braga et al, Benedito. 2007)
³ Estudo Comparativo da Ação Antimicrobiana de Extratos e Óleos Essenciais de Plantas Medicinais e Sinergismo com Drogas Antimicrobianas
dos Santos Temponi, Vanessa, et al. “Antinociceptive and anti-inflammatory effects of ethanol extract from Vernonia polyanthes leaves in rodents.” International journal of molecular sciences 13.3 (2012): 3887-3899.
da Silveira, R. Romanezi, M. A. Foglio, and J. A. R. Gontijo. “Effect of the crude extract of Vernonia polyanthes Less. on blood pressure and renal sodium excretion in unanesthetized rats.” Phytomedicine 10.2 (2003): 127-131.