Psyllium: saiba para que serve a fibra

Psyllium - Plantago ovata

Conheça os benefícios, efeitos, indicações e propriedades medicinais do psyllium (Plantago ovata), fibra solúvel muito usada como suplemento alimentar.

Atualizado em 21/09/2022

O psyllium (Plantago ovata) é uma fibra solúvel com inúmeras propriedades medicinais. Inclui as espécies Plantago arenaria, Plantago indica e Plantago psyllium. As fibras do psyllium tendem a inchar em contato com a água, criando uma sensação de saciedade no organismo e consequentemente moderando o apetite. Esse mecanismo pode ser muito útil para pessoas que desejam perder peso.

Benefícios do psyllium

O psyllium é uma fibra solúvel usada principalmente como laxante em vários medicamentos tradicionais e naturais e pode ajudar a diminuir o colesterol, aliviar a prisão de ventre e diarreia, além de tratar a síndrome do intestino irritável, hemorroidas e outros problemas intestinais. Também pode ajudar a regular os níveis de açúcar no sangue em pessoas com diabetes.   A qualidade fibrosa da casca do psyllium torna a planta um laxante natural muito efetivo, vez que aumenta o volume total do cólon, ocorrendo a consequente ativação da motilidade intestinal, aumentando a motilidade propulsora, sendo inclusive benéfico no tratamento de diarreias.

Os óleos favorecem as propriedades laxativas, sendo também utilizada como um emoliente e demulcente. Em forma de cataplasma pode curar infecções e tratar dores de dente, além de ser usada para abscessos, irritação na pele, panarício (infecção nas pontas dos dedos) e máscara facial para a pele.

Composição do psyllium

As sementes e as cascas das sementes são as partes mais utilizadas, vez que são ricas em componentes químicos como mucilagem (arabinoxilano, que absorvem grande quantidade de água e auxiliam o intestino), aucubina, proteínas, enzimas, xilose, galactose, óleo essencial (linoleico, oleico, palmítico) e gomas. Na culinária, as folhas jovens podem ser consumidas em saladas. As sementes podem ser acrescentadas a cereais e iogurtes.

FIGAPRO

Figapro é o suplemento alimentar mais utilizado no Brasil para auxiliar a eliminar gordura do fígado e melhorar o funcionamento do sistema digestivo.

Contraindicações e efeitos colaterais do psyllium

É recomendado sempre consumir a planta com bastante líquidos. o uso pode diluir enzimas tônicas digestivas e por isso é recomendada a utilização entre as refeições, sendo melhor assimilado antes de dormir ou como primeira refeição pela manhã, como substituto do café da manhã. É contraindicado durante a gravidez.

História e curiosidades

A planta cresce em várias regiões no mundo, porém seu cultivo é mais comum na Índia. Cada exemplar pode produzir até 15.000 pequenas sementes, revestidas de gel, a partir das quais a casca de psyllium é derivada. O nome de planta é derivado da palavra grega psylla, que significa “pulga”, que por sua vez recorre ao aparecimento das sementes minúsculas. O Psyllium faz parte da família Plantaginaceae.

Referências:
Bliss DZ, Savik K, Jung HJ, Whitebird R, Lowry A, Sheng X. Dietary fiber supplementation for fecal incontinence: a randomized clinical trial. Res Nurs Health. 2014;37(5):367-78
Psyllium. University of Maryland Medical Center
Sartore G, Reitano R, Barison A, Magnanini P, Cosma C, Burlina S, Manzato E, Fedele D, Lapolla A. The effects of psyllium on lipoproteins in type II diabetic patients. Eur J Clin Nutr. 2009;63(10):1269-71.