Chá Essiac: benefícios e receita do chá anticâncer


O chá Essiac é utilizado para o tratamento do câncer e seus efeitos colaterais, sobretudo no Canadá e nos Estados Unidos. Além de ser um famoso chá anticâncer, o chá Essiac é usado por profissionais de saúde alternativa tratar outras condições de saúde, inclusive AIDS.

O que é o chá Essiac?

Estudiosos dizem que a fórmula foi desenvolvida pela primeira vez por um curandeiro da tribo Ojibwa para purificar o corpo e equilibrar o espírito. Em 1922, a fórmula chamou a atenção de Rene Caisse (Essiac é o nome Caisse soletrado de trás para frente), uma enfermeira depois de ouvir relatos sobre os benefícios na cura do câncer. Após obter a receita, Caisse começou a administrar o chá para pacientes com câncer e obteve resultados promissores. Em 1977, Rene Caisse vendeu a fórmula do chá Essiac para a empresa Resperin, de Ontário, Canadá.

Rene utilizou o chá como tratamento do câncer até a data que veio a falecer, em 1978. O laboratório canadense afirmou que centenas de pacientes foram curados de seus cânceres através do uso desse chá, às vezes usado como injeções intramusculares. Contudo, pacientes que começaram a tomar o chá após tratamentos convencionais do câncer, tais como cirurgias, quimioterapia e radioterapia, não obtiveram êxito ou resultados satisfatórios.

Tratamento do câncer

Caisse sustentou que tumores não destruídos pelo chá Essiac poderiam encolher ou serem cirurgicamente removidos cerca de seis a oito semanas depois do início do tratamento. Um dos pacientes da Caisse era sua mãe, Friseide Caisse, que aos 72 anos foi diagnosticada com câncer de fígado. O médico de sua mãe teria dito que ela teria apenas alguns dias de vida. Desta forma, Rene Caisse começou a administrar sua mãe injeções intramusculares diárias do chá. Friseide começou a se recuperar dentro de alguns dias e depois de alguns meses, com doses menos frequentes de Essiac, foi curada do câncer. Friseide viveu até 90 anos e veio a falecer em razão de uma doença cardíaca.

Benefícios do chá Essiac

Além de ser amplamente conhecido para o tratamento do câncer e tumores, o chá Essiac ainda é usado em menor grau, para tratar uma variedade de outras condições de saúde, incluindo diabetes, diarreia, inflamação da pele, problemas do fígado e da tireoide, úlceras e algumas outras doenças degenerativas. Também é usado para aumentar os níveis de energia, curar feridas, diminuir dores em geral, purificar o sangue e reduzir o colesterol. Os compostos antioxidantes possuem propriedades anti-inflamatórias que podem ajudar as pessoas que sofrem de artrite, dores de cabeça, doenças articulares e musculares, gota hemorroidas, dentre outras doenças. O chá também produz um efeito estimulante para o metabolismo e pode ajudar na queima de gorduras e auxiliar no combate a obesidade.

Crajiru / Pariri - Poderoso Anticâncer

As folhas e ramos de crajiru são utilizadas na preparação de um chá medicinal que pode ser benéfico na prevenção e tratamento de vários tipos de câncer e tumores. Também é rico em propriedades anti-hipertensivas, cicatrizantes (útil para a cicatrização de úlceras gástricas) e diversas outras condições de saúde. Também está disponível em forma de cápsulas. Matéria-prima com alta padrão de qualidade. Não possui contraindicações. Produtos exclusivos.

Crajiru (Pariri) Crajiru (Pariri) O pariri é uma poderosa erva para o tratamento do câncer e diabetes.

Composição

O chá essiac original é composto de azedinha (Rumex acetosella), a casca interna do olmo-escorregadio (Ulmus fulva ou Ulmus rubra), raiz de bardana (Arctium lappa) e raiz de ruibarbo-turco (Rheum palmatum). Apenas a azedinha é usada isoladamente para tratar o câncer. No caso do Essiac, a combinação dos quatro ingredientes oferece as propriedades anticâncer.

Não está claro exatamente como ou por que os ingredientes trabalham em conjunto, mas acredita-se que agem sinergicamente para estimular a produção de anticorpos. A própria Caisse disse acreditar que o chá Essiac é um purificador do sangue e restaurador de tecidos danificados. Também acreditava no que o chá foi o responsável por fortalecer o sistema imunológico, permitindo que as células cancerígenas fossem destruídas.

Azedinha

Azedinha - Rumex acetosa
Azedinha – Rumex acetosa

A Rumex acetosa cresce selvagem ao longo dos Estados Unidos, produzindo folhas com um sabor picante e picante que pode adicionar sabor azedo a saladas frescas. Possui grandes quantidades de cálcio, fósforo, magnésio, potássio, zinco, além de flavonoides, como a quercetina, que possuem propriedades antioxidantes.

Casca de ulmeiro

Casca de ulmeiro - Ulmus rubra
Casca de ulmeiro – Ulmus rubra

As propriedades curativas do olmo escorregadio vêm da casca interna da árvore. A casca, além de ser muito mucilaginosa, é calmante e curativa para as membranas mucosas. A Ulmus contém ácido gálico, açúcares, amidos, fenóis, vitaminas A, complexo B, C, K e P e minerais como cálcio, cromo, ferro, fósforo, magnésio, selênio, silício, sódio e zinco. Os benefícios do olmo incluem acalmar e fortalecer os órgãos, tecidos e membranas mucosas, especialmente os pulmões, estômago e intestinos. É conhecido por ser um antibiótico com efeitos antimicrobianos e os herboristas acreditam que ele ajuda na remoção de toxinas do corpo.

Raiz de bardana

Bardana - Arctium lappa
Bardana – Arctium lappa

A raiz de bardana (Arctium lappa) é um potente desintoxicante e as sementes são indicadas para o tratamento de diferentes tipos de distúrbios, incluindo irritações na pele, gripes e resfriados. Os níveis de arctigenina na planta ajudam a melhorar a capacidade cognitiva dos seres humanos, além de ser um poderoso antiviral para o tratamento do influenza A.

Raiz de ruibarbo

Ruibarbo - Rheum palmatum
Ruibarbo – Rheum palmatum

O ruibarbo (Rheum palmatum) é utilizado como adstringente, laxante, antiflogístico (combate inflamações) e hemostático para o tratamento de obstipação, diarreia, icterícia, hemorragia gastrointestinal, desordens menstruais, conjuntivite, lesões traumáticas, feridas e úlceras superficiais supurativas. O ruibarbo contém vitaminas A, complexo B, C e P, assim como cálcio, cloro, cobre, enxofre, iodo, ferro, fósforo, magnésio, manganês, potássio, silício, sódio, enxofre e zinco.

Estudos científicos

A comunidade médica dominante não concorda com o tratamento do câncer por meio do chá Essiac. Os críticos atribuem os êxitos ao assim chamado efeito placebo. O tratamento não é aprovado pela American Medical Association e pela American Cancer Society. Em 1938, um projeto de lei no Parlamento Canadense para legalização do chá Essiac perdeu por três votos. A formula ainda não é aprovada para comercialização no Canadá ou Estados Unidos. Contudo, o Departamento de Saúde e Bem-Estar do Canadá permite o uso compassivo do Essiac em caráter de emergência.

Em 1975 e novamente em 1982, o Memorial Sloan- Kettering Cancer Center, em Nova York, testou apenas componente azedinha (Rumex acetosella). Depois de fervido a administrado a ratos com cânceres e tumores, foi observado que tal ação pode neutralizar quaisquer compostos benéficos na sobra do. Foi determinado que a fórmula não tinha efeito anticancerígeno. O National Cancer Institute e o Canadian Bureau of Prescription Drugs chegaram à mesma conclusão nos anos 1980.

Receita do chá anticâncer Essiac

Os quatro principais ingredientes do chá Essiac são vendidos separadamente e podem ser combinados em casa. *Caso queira preparar uma quantidade inferior, basta dividir as quantidades proporcionalmente.

Ingredientes

  • 832 gramas raiz de bardana picada
  • 453 gramas de azedinha em pó (incluindo folhas, hastes e sementes);
  • 28 gramas de ruibarbo;
  • 113 gramas de ulmeiro em pó.

Modo de preparo

  • Ferva 7 litros e meio de água e adicione 225 gramas da mistura de chá.
  • Cubra o recipiente e aqueça em alta temperatura por 10 minutos.
  • Desligue o fogo e deixe a mistura descansar por seis horas.
  • Remova a tampa e mexa. Substitua a tampa e deixe em infusão por mais seis horas.
  • Ligue o fogo e ferva novamente a mistura.
  • Retire do fogo e coe para outro o chá.

Observações

A fórmula está pronta para uso imediatamente. Quando finalizada, agite bem a garrafa para misturar os sedimentos. A dose diária habitual é de 60 a 120 ml para pessoas que pesam cerca de 60 quilos. A dose pode ser aumentada gradativamente para pessoas com maior peso. Praticantes de saúde alternativa recomendam doses regulares de Essiac para fortalecer o sistema imunológico e prevenir o aparecimento de certas doenças, incluindo câncer A fórmula não deve ser preparada ou armazenados em recipientes de plástico ou alumínio. Luz solar e temperaturas muito baixas destroem a eficácia da fórmula.

Contraindicações e efeitos colaterais do chá Essiac

O chá Essiac não é recomendado para gestantes ou lactantes. É recomendado que as pessoas consultem seu médico antes de tratar qualquer condição com o Essiac. Vale ressaltar que o chá é frequentemente usado em combinação com tratamentos convencionais contra o câncer, tais como quimioterapia. Nenhum efeito secundário adverso importante foi associado com o uso do chá.

Chá Essiac: benefícios e receita do chá anticâncer
5 - 4 votos

ANTIOXIDANTE / PREVINE CONTRA O CÂNCER Nutraskin Antiox Resveratrol
MIX COMPLETO DE ANTIOXIDANTES E FIBRAS Be Beauty Dtoxx
ARRABIDAEA CHICA; CIPÓ-CRUZ, CRAJIRU Pariri em Cápsulas 500mg
PODEROSO CHÁ PARA O TRATAMENTO DO CÂNCER Crajiru (Pariri) Folhas Para Chá
LUTEÍNA COM ZEAXANTINA Luzeax
Referências:
Olsen, Cynthia and Dr. Jim Chan. Essiac: A Native Herbal Cancer Remedy.
Essiac Facts. Essiac Tea Side Effects and Cautions.
American Cancer Society.
Snow, Sheila and Mali Klein. Essiac Essentials. Dublin: Gill & Macmillan, 1999.
Walters, Richard. Options: The Alternative Cancer Therapy Book. New York: Avery Publishing Group, 1992.
McCutcheon, Lynn.”Essiac: The Not so Remarkable CancerRemedy.” Skeptical Inquirer.
Sheep Sorrel. Memorial Sloan Kettering Cancer Center; Integrative Medicine
Tyler, Varro E. “Essiac: A Native Herbal Cancer Remedy.” Nutrition Forum.


Please enter an Access Token on the Instagram Feed plugin Settings page.


Comentários

Comentar