Noz-da-macadâmia: benefícios e propriedades nutritivas

A noz-da-macadâmia é uma noz comestível nativa das regiões tropicais e muito utilizada para o preparo de óleos, sendo também um ingrediente comum em cosméticos e produtos de beleza. As duas variedades mais importantes incluem as espécies Macadamia integrifolia e a Macadamia tetraphylla. Pertence à família Proteaceae.

Benefícios e propriedades medicinais da noz-da-macadâmia

As nozes fazem parte de um grupo de alimentos fundamentais para o bom funcionamento do organismo. Desta forma, consumir pequenas porções diárias desses alimentos todos os dias traz uma série de benefícios. A noz-da-macadâmia é isenta de colesterol, e que ainda auxilia na diminuição dos índices de LDL. O auxílio na limpeza das artérias proporcionadas essa noz faz muito bem ao coração e ajuda a fortalecer a saúde cardiovascular, prevenindo contra o aparecimento de várias doenças coronárias, incluindo a arteriosclerose.

A noz-da-macadâmia é rica em propriedades antioxidantes, substâncias que combatem os radicais livres e deixam o organismo mais resistente e saudável. A ação antioxidante previne contra o aparecimento de diferentes tipos de cânceres, incluindo câncer de mama, colo do útero, estômago, próstata, pulmão, alguns dos mais malignos. Uma das mais significativas funções da noz é fortalecer os ossos por meio de seu alto índice de fósforo, mineral fundamental para a estrutura do corpo e para os dentes. Combinado com o nível de cálcio, manganês e ômega 3, que atuam na prevenção e tratamento da osteoporose, renovam o tecido ósseo e diminuem os sintomas da artrite.

Um estudo realizado em animais demonstrou que o óleo de macadâmia atenua a inflamação. Outro estudo, publicado em 2006, avaliou até 106 extratos de 40 plantas, incluindo a macadâmia, tendo comprovado sua eficácia na prevenção e tratamento da artrite reumatoide. Os extratos de nozes de macadâmia estavam entre as 13 plantas consideradas mais eficazes para reumatismo. A noz-da-macadâmia é rica em vitamina A, além de ser fonte de vários outros nutrientes essenciais para o corpo humano. O ácido palmitoleico, contido em grandes quantidades em sua composição, promove uma aceleração do metabolismo e diminui a taxa de armazenamento de gordura, auxiliando consequentemente no emagrecimento. O seu alto teor proteico e vitamínico a torna um suplemento ideal para uma alimentação saudável e uma vida mais equilibrada.

Chás Chás Medicinais Chás 100% naturais e orgânicos para diversos objetivos.
Libiforce Libiforce Man Estimulante sexual masculino sem contraindicações. Fórmula exclusiva.
Anti-Inflamatórios Naturais Anti-Inflamatórios Naturais Suplementos eficazes para aliviar e curar inflamações nos tecidos.
Sucupira Sucupira em Cápsulas Alivia dores de artrite/reumatismo e controla o diabetes
Antirreumaticos Antirreumáticos Suplementos naturais para aliviar dores articulares, artrite, artrose, gota e reumatismo.

Como consumir a noz-da-macadâmia?

Para desfrutar dos benefícios citados, deve ser consumido uma média de 20 gramas (cerca de 2 unidades) ao dia. As nozes são muito calóricas e, se consumidas em excesso, podem comprometer uma dieta de emagrecimento. Apesar de serem muito saborosas, as nozes podem ser adicionadas como ingredientes em bolos, pães, sorvetes e outros preparos.

Uma quantidade de 100 gramas de nozes de macadâmia fornecem 740 calorias e são uma fonte rica de numerosos nutrientes essenciais, incluindo ferro (28% do valor diário recomendado), fósforo (27% VD), magnésio (37% VD), manganês (195% VD), tiamina (104% VD) e vitamina B6 (21% VD). As nozes são compostas de 76% de gordura, 14% de carboidratos, incluindo 9% de fibra alimentar e 8% de proteína. Em comparação com outras nozes comestíveis comuns, como as amêndoas e a castanha de caju, as macadâmias são ricas em gordura total e relativamente pobres em proteína. Também possui uma alta quantidade de gorduras monoinsaturadas (59% do conteúdo total) e destes 17% da gordura total, ácido palmitoleico ômega-7.

Contraindicações e efeitos colaterais da noz-da-macadâmia

Existem dois tipos de macadâmia que são comestíveis e ambas trazem benefícios para a saúde: as espécies M. integrifolia e M. tetraphylla. Embora existam outras diversas variedades, elas são tóxicas e impróprias para o consumo graças a alta quantidade de glicosídeos cianogênicos.

Curiosidades

Nativa da Austrália, a noz-da-macadâmia possui um sabor amanteigado e atualmente é popular em várias regiões do mundo, incluindo África do Sul, Brasil e Nova Zelândia. O Havaí, adotou essa castanha como um dos ingredientes mais populares em sua culinária. No Brasil, é bem conhecida e utilizada em receitas. A produção, contudo, possui um custo alto, o que faz com que o valor final para o consumidor seja dispendioso.

AGE NO TRATAMENTO DO REUMATISMO Sucupira em Cápsulas
SHAMPOO CONCENTRADO DE BABOSA Shampoo de Aloe vera 300ml
COMPOSTO NATURAL COM FITOESTROGÊNIO Isoflavona 500mg
ANTIOXIDANTE / FORTALECE O SISTEMA IMUNE Dente de Leão em Cápsulas
ATIVADOR SEXUAL FEMININO PREMIUM Vênus Mulher
Referências:
Macadamia tetraphylla – L.A.S.Johnson. Plants for a Future.
Cock, I. E., Winnett, V., Sirdaarta, J., & Matthews, B. (2015). The potential of selected Australian medicinal plants with anti-Proteus activity for the treatment and prevention of rheumatoid arthritis. Pharmacognosy magazine, 11(Suppl 1), S190.
Lima, Edson A., et al. “Macadamia oil supplementation attenuates inflammation and adipocyte hypertrophy in obese mice.” Mediators of inflammation 2014 (2014).
7 benefícios surpreendentes da Noz Macadâmia. Biomarket.
AFPD. 2008. African Flowering Plants Database – Base de Donnees des Plantes a Fleurs D’Afrique.
Power, J., Macadamia Power in a Nutshell, 1982, ISBN 0-9592892-0-8, p. 13.

Comentários

Comentar