CLA: benefícios do ácido linoleico conjugado

O CLA ou ácido linoleico conjugado (conjugated linoleic acid, em inglês) é uma família composta por alguns isômeros do ácido linoleico, encontrados principalmente na carne e produtos derivados (leite e queijo) de animais ruminantes. O CLA é comercializado como um suplemento dietético.

Benefícios do CLA

O óleo de cártamo provém de 60% a 80% de ácido linoleico conjugado (CLA), muito utilizado como suplemento alimentar por atletas devido as suas propriedades que aumentam a utilização de gordura pelo organismo e promovem o emagrecimento e aumento de massa magra. O CLA também pode auxiliar pacientes com problemas de tireoide que enfrentam dificuldades para perder peso, além de proporcionar outros benefícios à saúde. Evidências preliminares aponte que o ácido linoleico conjugado (CLA) pode ajudar a prevenir o câncer de mama, cólon e reto em mulheres.

Redução da gordura corporal e preservação do tecido muscular

Um estudo publicado em 2000 pelo Journal of Nutrition descobriu que o CLA reduz a gordura corporal e preserva o tecido muscular. Houve uma redução média de seis quilos de gordura corporal no grupo que tomou CLA em comparação com o grupo controle. O estudo revelou que cerca de 3,4 gramas de CLA por dia era o nível necessário para obter os efeitos benéficos de CLA na perda de gordura corporal.

O CLA melhora os níveis de insulina em diabéticos

Em um estudo conduzido na Universidade de Purdue, em Indiana, o CLA foi apontado como um suplemento eficaz para melhorar os níveis de insulina em cerca de dois terços dos pacientes diabéticos e reduzir moderadamente os níveis de glicemia e triglicérides. O CLA também aumenta a taxa metabólica, diminui a gordura abdominal, aumenta o crescimento muscular, reduz o colesterol, ajuda a controlar o peso, reduz reações alérgicas induzidas por alimentos, melhora o sistema imunológico e diminui a resistência à insulina, o que pode beneficiar pacientes com hipotireoidismo e ajuda a prevenir o aparecimento de diabetes em adultos.

Redução do aparecimento do câncer em mulheres

Uma dieta rica em CLA pode reduzir o aparecimento câncer de cólon e reto em mulheres. Evidências preliminares aponte que o ácido linoleico conjugado (CLA) pode ajudar a prevenir o câncer de mama. Mulheres que já passaram da menopausa e consomem uma maior quantidade de ácido linoleico parecem ter um risco menor de desenvolver câncer de mama. Os ácidos linoleicos conjugados (CLA), quando testado em animais de laboratório, se mostraram potentes anticarcinogênicos e inibidores da lipogênese na glândula mamária, fígado e tecido adiposo. A lipogênese é a síntese de ácidos graxos e triglicérides, que serão armazenados subsequentemente no fígado e no tecido adiposo.

Referências:
Dietary Conjugated Linoleic Acid Normalizes Impaired Glucose Tolerance in the Zucker Diabetic Fatty fa/faRat Karen L. Houseknecht, Purdue University; John P. Vanden Heuvel, Pennsylvania State University; Silvia Y. Moya-Camarena, Carla P. Portocarrero, Louise W. Peck, Kwangok P. Nickel, and Martha Belury, Purdue University.
Henrietta Blankson et al. Conjugated linoleic acid reduces body fat mass in overweight and obese humans. J. Nutr. 2000; 130:2943-2948.
MEDEIROS, Sérgio Raposo de. Ácido linoléico conjugado: teores nos alimentos e seu uso no aumento da produção de leite com maior teor de proteína e perfil de ácidos graxos modificado. 2002.

Comentários

Comentar