Tangerina: benefícios e propriedades medicinais

A tangerina (Citrus reticulata) é também conhecida como bergamota, mexerica, mimosa, vergamota, tanja e laranja-de-mandarina. A espécie Citrus reticulata é relacionada a outras espécies como a Citrus aurantium (usada na fabricação da bebida Curaçao) e Citrus nobilis-mandarim. Pertence à família Rutaceae.

Benefícios da tangerina

Todas as espécies e variedades de tangerinas, entre elas as mais conhecidas como mexerica, pocan, dancy, laranja-cravo (tangerina-cravo), montenegrina, dekopon e GTDH-alfaesterase e murcott (cultura híbrida), compartilham propriedades medicinais, porém há algumas diferenças. As tangerinas com casca de cor mais alaranjada em sua maioria possuem propriedades anti-inflamatórias, colagogas, carminativas, diuréticas e tônicas, enquanto as tangerinas com casca mais esverdeada possuem propriedades colagogas e carminativas.

As tangerinas também são laxativas, vez que apresentam grande quantidade de fibras, devendo ser ingeridas com o bagaço para melhorar o funcionamento do intestino. Possuem efeito diurético, digestivo e tônico. É indicada para o tratamento da hipertensão arterial e prevenção da arteriosclerose. A riqueza de fibras da tangerina protege o organismo de doenças como câncer, diabetes, hipertensão e outras doenças cardiovasculares. O chá das folhas é considerado um calmante e pode ser conservado na geladeira por até três semanas.

As cascas da tangerina são usadas como um tônico para estimular a produção de ácido clorídrico. O extrato de tangerina é utilizado para evitar o ressecamento da pele, tratar vasos capilares danificados e estimular o crescimento de cabelos. Por esses motivos, o extrato é bastante utilizado pela indústria cosmética.

Valor nutricional das tangerinas

O valor nutritivo do suco ou da polpa varia conforme a espécie, contudo, todas as tangerinas são boas fontes de vitamina A, vitamina C, vitaminas do complexo B e sais minerais, tais como potássio, cálcio, fósforo e magnésio. A vitamina C é essencial para o sistema imunológico, enquanto a vitamina A é indispensável para a saúde dos olhos e da pele, além de aumentar a resistência do corpo às infecções. As vitaminas do complexo B fortificam os nervos.

A tangerina é acrescentada a doces, pães, biscoitos e bolos. Seu uso melhora a digestão dos alimentos. Também é muito utilizada como mistura para melhorar o sabor de outras ervas e compostos medicinais. A fruta é muito consumida naturalmente ou em forma de suco. O extrato da tangerina é muito usado em sobremesas.

Contraindicações e efeitos colaterais da tangerina

Durante a gravidez, a tangerina deve ser utilizada com precaução, vez que doses grandes podem estimular contrações.

História e curiosidades

A espécie Citrus aurantium, nativa das Antilhas Holandesas, produz uma bebida que se tornou conhecida em praticamente todos os continentes, o licor Curaçao, muito utilizado na preparação dos mais diversos coquetéis. Na China, acredita-se que a planta é um símbolo da fertilidade, vez que ela pode produzir flores e frutificar ao mesmo tempo.

Referências:
Lu, Y., Zhang, C., Bucheli, P., & Wei, D. (2006). Citrus flavonoids in fruit and traditional Chinese medicinal food ingredients in China. Plant Foods for Human Nutrition, 61(2), 55-63.
Zhang, Yuanmei, et al. “Phenolic compositions and antioxidant capacities of Chinese wild mandarin (Citrus reticulata Blanco) fruits.” Food chemistry 145 (2014): 674-680.
Ho, Su-Chen, and Chih-Cheng Lin. “Investigation of heat treating conditions for enhancing the anti-inflammatory activity of citrus fruit (Citrus reticulata) peels.” Journal of agricultural and food chemistry 56.17 (2008): 7976-7982.
Mak, Nai Ki, et al. “Isolation of anti-leukemia compounds from Citrus reticulata.” Life sciences 58.15 (1996): 1269-1276.
Parmar, H. S., & Kar, A. (2008). Medicinal values of fruit peels from Citrus sinensis, Punica granatum, and Musa paradisiaca with respect to alterations in tissue lipid peroxidation and serum concentration of glucose, insulin, and thyroid hormones. Journal of Medicinal Food, 11(2), 376-381.

Comentários

3 Comentários

  1. Carlos Cruz

    Existe na cidade de Castelo (ES), um produto a base de extrato de tangerina, usado por varias pessoas com labirintite e segundo as pessoas tem dado resultados satisfatorios.
    Isto é tem alguma comprovação veridica?

Comentar